Divulgação dos índices do mês junho/21 – Fundação IPEAD/UFMG

É com muita satisfação que o IPEAD/UFMG – Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de MG vem divulgar, em primeira mão, para toda a sociedade e imprensa os resultados dos estudos/pesquisas realizadas no mês de junho de 2021. A Fundação disponibiliza profissionais especialistas para atender às suas demandas e prestar os esclarecimentos necessários. Destaques: O custo de vida em Belo Horizonte, medido pelo IPCA e pelo IPCR, avançou no sexto mês do ano, apresentando um aumento de 0,49% no mês de junho. O resultado foi obtido a partir da pesquisa de preços dos produtos/serviços que são agrupados em 11 itens agregados, sendo os maiores destaques, em termos de variação, as altas de 3,83% para Artigos de residência, de 1,82% para Alimentos elaboração primária e de 1,30% para Saúde e cuidados […]

Continue lendo...

Confiança do consumidor de BH tem alta pelo terceiro mês seguido

Consumidores estão mais confiantes com a situação econômica do país e em relação ao emprego; índice, porém, ainda está bem abaixo dos 50 pontos O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) de Belo Horizonte teve alta de 3,94% em junho na comparação com maio, subindo de 34,03 pontos no mês passado para 35,37 pontos neste mês. Foi a terceira alta seguida. Em abril, o ICC atingiu 33,16 pontos, voltando a subir após a forte queda de 19,54% em março, quando o índice ficou em 29,01.  Apesar da elevação nos últimos três meses, porém, o índice permanece abaixo dos 50 pontos, nível que separa o pessimismo do otimismo. Os números foram divulgados nesta terça-feira (29/6) pela Fundação Ipead. A percepção do consumidor da capital em relação à situação econômica do país e ao […]

Continue lendo...

Divulgação do Índice de Confiança do Consumidor ICCBH de Junho de 2021 – Fundação IPEAD/UFMG

É com muita satisfação que o IPEAD/UFMG – Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de MG vem divulgar, em primeira mão, para toda a sociedade e imprensa os resultados do estudo do  Índice de Confiança do Consumidor ICC BH de junho de 2021. Desde já destacamos que profissionais especializados do IPEAD/UFMG estarão disponíveis para esclarecer os estudos e gravar entrevistas para seu veículo de comunicação. Antecipamos a seguir alguns destaques desta divulgação. O Índice de Confiança do Consumidor, ICC-BH, subiu novamente no mês de junho (3,94%). O ICC-BH atingiu 35,37 pontos, sendo este o segundo maior nível observado em 2021. O Índice de Expectativa Econômica (IEE) apresentou forte alta de 19,07% em comparação com o valor do mês anterior, influenciado pela expressiva melhora na percepção dos consumidores sobre todos os itens, […]

Continue lendo...

BH registra alta na intenção de presentear no Dia dos Namorados e estabilidade nos índices que monitoram a pandemia

A pesquisa especial Pretensão de compra para o Dia dos Namorados, desenvolvida anualmente no mês de maio pelo Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de MG (Ipead/UFMG), aplicada juntamente com o Índice de Confiança do Consumidor de Belo Horizonte (ICC BH), tem o objetivo de avaliar as expectativas de compra dos consumidores da capital mineira para essa data comemorativa. Como resultado, observa-se que 31,90% dos entrevistados em 2021 pretendem presentear, percentual superior ao apurado nos dois últimos anos. O relatório apresenta a intenção de compra dos consumidores para o Dia dos Namorados e a comparação desses resultados com os obtidos na mesma pesquisa aplicada nos anos de 2020, 2019, 2018, 2017 e 2016. Ao avaliar somente as pessoas que pretendem […]

Continue lendo...

Alta nos Preços – Inflação acumulada em BH nos últimos 12 meses é de 8,05%, diz pesquisa

Elevação nos números mostraram que custo de vida na capital apresentou alta de 0,75% mês passado, ao ser comparado com abril. Variação em 2021 foi de 3,69% A inflação acumulada em BH nos últimos 12 meses, medida pelo Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA), fechou em 8,05% em maio, de acordo com pesquisa divulgada nesta terça-feira (1º/6) pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead/UFMG).  Os números mostraram que o custo de vida na capital mineira apresentou alta de 0,75% mês passado ao ser comparado com abril. A variação em 2021 foi de 3,69%. A pesquisa indicou que as maiores altas de preço no período foram do pão francês (6,53%), mão de obra (3,66%), seguro de veículos (2,75%), […]

Continue lendo...

Gasolina pressiona a inflação da Capital pelo segundo mês seguido

Novamente, a gasolina é a vilã da inflação na capital mineira.  Conforme dados do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de Belo Horizonte, a inflação avançou 0,75% em maio na comparação com o mês de abril. Apenas o combustível apresentou alta de 1,58%, registrando uma contribuição de 0,08 ponto percentual (p.p). Os dados foram divulgados pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais da Universidade Federal de Minas Gerais (Ipead/UFMG). Apesar da gasolina ter impulsionado a inflação na Capital no mês passado, outros itens ajudaram no aumento do custo de vida em maio. A tarifa de energia elétrica (2,25% e 0,07 p.p), Pão francês (6,53% e 0,05 p.p) e Mão de Obra (pedreiro, marceneiro e […]

Continue lendo...

Divulgação dos índices do mês maio/21 + Pretensão de compra para o Dia dos Namorados – Fundação IPEAD/UFMG

É com muita satisfação que o IPEAD/UFMG – Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de MG vem divulgar, para toda a sociedade e imprensa, em primeira mão, os resultados dos estudos/pesquisas realizadas no mês de maio de 2021. Destaques da divulgação: Pesquisa especial sobre a pretensão de compra para o Dia dos Namorados mostrou alta de 18% na intenção de presentear, em relação à 2020.  Pesquisa especial sobre a pretensão de compra para o Dia dos Namorados de 2021 revelou que o ticket médio por presente no dia dos namorados ficou 6,16% acima do observado no ano passado. Após forte alta em abril, o Índice de Confiança do Consumidor – ICC-BH de maio apresentou mais uma elevação atingindo o nível de 34,03 pontos. Apesar da elevação, o índice permanece abaixo dos 50 pontos, nível que separa […]

Continue lendo...