Inflação de BH cresce acima da média nacional no Plano Real

Nos últimos 30 anos, o IPCA calculado pelo Ipead registrou aumento de 789,3% na capital mineira enquanto no País o indicador do IBGE apresentou elevação de 708% Nos 30 anos de existência do Plano Real, o custo de vida da Capital subiu mais do que a média no País. Levantamento da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead) aponta que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo de Belo Horizonte (IPCA-BH), calculado pela entidade, registrou alta de 789,93% de julho de 1994 a junho de 2024, enquanto o IPCA do Brasil, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), subiu 708%. O economista da Ipead, Diogo Santos, explica que o crescimento do indicador belo-horizontino acima […]

Continue lendo...

Alimentação na residência fica mais barata, mas inflação de BH acelera novamente na segunda prévia de junho

A Fundação IPEAD divulga os resultados dos índices de inflação em Belo Horizonte da segunda semana de junho de 2024. Destaques: – O custo de vida em BH, medido pelo IPCA-BH, sobe 0,84% na segunda semana de junho contra 0,47% em maio de 2024. – Inflação sentida pelas famílias de 1 a 5 salários mínimos, captada pelo IPCR, sobe 0,88% em junho contra 0,54% em maio de 2024. – Preços do Seguro voluntário de veículos, Plano de saúde e Condomínio residencial contribuem para alta da inflação. – Queda nos Preços do Vidro, Cerveja em supermercados e mamão ajudaram a segurar a inflação. – Inflação acumulada nos últimos 12 meses pelo IPCA BH está em 6,41% e pelo IPCR está em 5,37%. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente, Renato Mogiz SilvaEconomista […]

Continue lendo...

Repercussão da pesquisa da Inflação de Belo Horizonte – 1º IPC junho de 2024 e variação do preço dos combustíveis de janeiro/2023 a junho/2024

O IPEAD/UFMG por meio do economista Diogo Santos concedeu entrevista a rádio BandNews Minas e repercutiu os resultados da pesquisa da Inflação de Belo Horizonte referente a 1ª quadrissemana de junho de 2024 e também a variação de preços dos combustíveis de janeiro/2023 a junho/2024. Fonte: Rádio BandNews Minas – 1ª edição – Publicado em 13/06/2024 – Reportagem Mariana Reis.

Continue lendo...

Repercussão da pesquisa da Inflação de Belo Horizonte – 1º IPC junho de 2024

O IPEAD/UFMG por meio do economista Diogo Santos concedeu entrevista a Rádio Inconfidência e repercutiu os resultados da pesquisa do IPC referente a 1ª quadrissemana do mês de junho 2024. Confira! Fonte: Rádio Inconfidência – Jornal da Inconfidência AM | FM 2ª edição – Reportagem Desirée Miranda.

Continue lendo...

Inflação de BH acelera na primeira medição de junho

A Fundação IPEAD divulga os resultados dos índices de inflação em Belo Horizonte da primeira semana de junho de 2024. Destaques: – O custo de vida em BH, medido pelo IPCA-BH, sobe 0,77% em junho contra 0,48% em maio de 2024. – Inflação sentida pelas famílias de 1 a 5 salários mínimos, captada pelo IPCR, sobe 0,97% em junho contra 0,30% em maio de 2024. – Preços do Seguro voluntário de veículos, Gasolina comum e Condomínio residencial contribuem para alta da inflação. – Queda nos Preços do Tapete, Vidro e Laranja Pera ajudaram a segurar a inflação. – Inflação acumulada nos últimos 12 meses pelo IPCA BH está em 6,19% e pelo IPCR está em 5,37%. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente,Renato Mogiz SilvaEconomista – Superintendente GeralFundação IPEAD/UFMG – Fundação […]

Continue lendo...

Inflação cresce 0,62% em Belo Horizonte, segundo Ipead

Em termos dos produtos/serviços que se destacaram neste período, as maiores altas de preços médios vieram do seguro voluntário de veículos e da gasolina comum A inflação em Belo Horizonte acelerou no quinto mês de 2024 na comparação com abril. O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) registrou alta de 0,62% em maio, variação maior que a verificada no mês anterior, cuja elevação foi de 0,24%, segundo levantamento da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead), divulgada nesta quinta-feira (6). Esta foi a segunda alta mais expressiva do ano até o momento, só perdendo para janeiro, segundo o consultor da Fundação Ipead, o economista Diogo Santos. No primeiro mês de 2024, a elevação do […]

Continue lendo...

Inflação de BH acelera em maio: gasolina é o maior destaque

A Fundação IPEAD divulga os resultados dos índices de inflação em Belo Horizonte de maio de 2024. Destaques: – O custo de vida em BH, medido pelo IPCA-BH, sobe 0,62% em maio contra 0,44% em abril de 2024. – Inflação sentida pelas famílias de 1 a 5 salários mínimos, captada pelo IPCR, sobe 0,67% em maio contra 0,46% em abril de 2024. – Preços da Gasolina comum, Seguro voluntário de veículos e Refeição fora de casa contribuem para alta da inflação. – Queda nos Preços da Banana prata, Cortina e Dentista ajudaram a segurar a inflação. – Inflação acumulada nos últimos 12 meses pelo IPCA BH está em 6,04% e pelo IPCR está em 5,02%. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente, Renato Mogiz SilvaEconomista – Superintendente GeralFundação IPEAD/UFMG – […]

Continue lendo...

Conta de luz fica quase 7% mais cara a partir desta terça-feira (28)

Os clientes devem sentir impacto parcial já na conta de junho, quando irão pagar uma parte do consumo ocorrido antes de 28 de maio O reajuste de até 7,32% na conta de energia da Cemig entra em vigor nesta terça-feira (28), mas será sentido totalmente pelos clientes no mês de julho. O anúncio foi feito na semana passada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). O aumento será sentido de maneira diferente pelos consumidores. A avaliação é da própria empresa. Para consumidores residenciais ou de baixa tensão, por exemplo, o ajuste será de 6,72%. Os clientes devem sentir impacto parcial já na conta de junho, quando irão pagar uma parte do consumo ocorrido antes de 28 de maio. Entenda o reajuste […]

Continue lendo...

Com redução dos alimentos in natura, inflação em BH tem leve desaceleração na terceira prévia de maio

A Fundação IPEAD divulga os resultados dos índices de inflação em Belo Horizonte da terceira prévia de maio de 2024. Destaques: – IPCA-BH sobe 0,44%, desacelerando em relação à quadrissemana anterior, quando o IPCA apresentou alta de 0,47%. – Inflação sentida pelas famílias de 1 a 5 salários mínimos desacelera para 0,46%. – Preços da Gasolina comum e do Seguro voluntário de veículos contribuem para alta da inflação. – Queda nos Preços das Excursões e Banana prata ajudaram a segurar a inflação. – Inflação acumulada nos últimos 12 meses pelo IPCA BH está em 5,69% e pelo IPCR está em 4,80%. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente, Renato Mogiz SilvaEconomista – Superintendente GeralFundação IPEAD/UFMG – Fundação Instituto de PesquisasEconômicas, Administrativas e Contábeis […]

Continue lendo...