Ipead/UFMG: Índice de Confiança do Consumidor de BH apresenta leve alta em novembro

O Índice de Confiança do Consumidor de Belo Horizonte (ICC-BH) registrou alta de 0,75% em novembro em relação ao mês anterior, com uma pontuação de 41,96 em uma escala que vai de 0 a 100 pontos. De acordo com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de MG (Ipead/UFMG) a alta vem após duas quedas consecutivas e coloca agora o índice muito próximo ao nível de novembro de 2022. A variação positiva do ICC-BH neste mês é explicada pela melhora na percepção da população em quatro dos seis componentes do índice. As altas ocorreram nos seguintes componentes: Situação Econômica do país (+5,85%), Percepção sobre a inflação (+6,67%), Situação financeira da família atual (+4,97%) e Situação financeira da família em relação ao passado (+0,61%). Já a piora […]

Continue lendo...

Produtos típicos de Natal estão mais caros em Belo Horizonte

Dos produtos analisados pelo Ipead, 15 apresentaram aumento no preço médio frente ao ano anterior Azeite, castanhas, creme de leite, panetone, leite condensado, bombons, aves e dezenas de outros produtos são considerados ingredientes indispensáveis para pratos típicos das tradicionais festas de fim de ano, como Natal e Ano Novo. Em 2023, estas festividades tendem a ficar mais caras em Belo Horizonte, uma vez que os preços da maioria destes e outros itens estão maiores quando comparados com o ano que passou. É o que revela pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead). Entre todos os produtos avaliados pelo Ipead, 15 apresentaram aumento de preço na comparação com 2022. Em média, entre os produtos […]

Continue lendo...