Plano Real, 30 anos: “Ainda não conquistamos estabilidade com prosperidade”

Economista Diogo Santos avalia que Plano Real teve mérito de controlar a hiperinflação que desafiava a economia, mas prejudicou a indústria e o emprego Economista Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Fundação Ipead), vinculada à Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Diogo Santos diz que o Plano Real, que completa 30 anos nesta segunda-feira (1/7), deixou um legado positivo e um negativo para o Brasil. Em entrevista ao Estado de Minas, ele falou sobre a desvalorização da moeda ao longo dos anos, regime de metas de inflação e a estabilidade de preços aos consumidores. Passados 30 anos da entrada em vigor do Plano Real, qual a avaliação que o senhor faz dessa iniciativa?O Plano Real gerou […]

Continue lendo...

Inflação de BH cresce acima da média nacional no Plano Real

Nos últimos 30 anos, o IPCA calculado pelo Ipead registrou aumento de 789,3% na capital mineira enquanto no País o indicador do IBGE apresentou elevação de 708% Nos 30 anos de existência do Plano Real, o custo de vida da Capital subiu mais do que a média no País. Levantamento da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead) aponta que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo de Belo Horizonte (IPCA-BH), calculado pela entidade, registrou alta de 789,93% de julho de 1994 a junho de 2024, enquanto o IPCA do Brasil, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), subiu 708%. O economista da Ipead, Diogo Santos, explica que o crescimento do indicador belo-horizontino acima […]

Continue lendo...

EVOLUÇÃO DO IPCA-BH, DE SEUS GRUPOS E DA RELAÇÃO ENTRE CUSTO DA CESTA BÁSICA E SALÁRIO MÍNIMO EM BH DESDE O LANÇAMENTO DO REAL

Destaque: ➡ Evolução do IPCA-BH, de seus grupos e da relação entre CUSTO DA CESTA BÁSICA E SALÁRIO MÍNIMO EM BH DESDE O LANÇAMENTO DO REAL Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente, Renato Mogiz SilvaEconomista – Superintendente GeralFundação IPEAD/UFMG – Fundação Instituto de PesquisasEconômicas, Administrativas e Contábeis de MG(31) 3409-7110 / (31) 98419-9802www.ipead.face.ufmg.br

Continue lendo...

INFLAÇÃO DE BH ACELERA NA TERCEIRA PRÉVIA DE JUNHO, APESAR DA MENOR PRESSÃO DOS ALIMENTOS

A Fundação IPEAD divulga os resultados dos índices de inflação em Belo Horizonte da terceira prévia de junho de 2024. Destaques: IPCA-BH sobe 1,18%, acelerando em relação à quadrissemana anterior, quando o IPCA apresentou alta de 0,84%. Inflação sentida pelas famílias de 1 a 5 salários mínimos acelera para 1,25%. Preços do seguro voluntário de veículos, plano de saúde e tarifa de energia elétrica residencial contribuem para alta da inflação. Queda nos preços do móvel para copa e cozinha e mamão ajudaram a segurar a inflação. Inflação acumulada nos últimos 12 meses pelo IPCA BH está em 6,75% e pelo IPCR está em 5,63%. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para […]

Continue lendo...

Confiança do consumidor de BH tem alta em junho puxada pela melhora na percepção sobre a inflação

O IPEAD apresenta os resultados da Pesquisa do Índice de Confiança do Consumidor (ICC-BH) no mês de junho de 2024. Destaques: – Confiança do consumidor de BH tem alta (4,21%), registrando agora 42,60 pontos. – Melhora a percepção da população sobre a Inflação. – Emprego tem melhora de 2,51% em junho. – Pretensão de compra tem a maior variação negativa neste mês. – O segmento de “Vestuário e calçados” e “Veículos” lideram em termos de intenção de compra, representando, respectivamente, 17,43% e 9,63% das indicações dos entrevistados. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente, Renato Mogiz SilvaEconomista – Superintendente GeralFundação IPEAD/UFMG – Fundação Instituto de PesquisasEconômicas, Administrativas e Contábeis de MG(31) 3409-7110 / (31) 98419-9802www.ipead.face.ufmg.br

Continue lendo...

As Festas Juninas em 2024 estão mais movimentadas em BH e itens típicos estão mais caros, aponta pesquisa

O IPEAD apresenta os resultados da Pesquisa sobre a movimentação e preferência dos consumidores de BH para as Festas Juninas no mês de junho de 2024. Destaques: – 62,86% dos entrevistados sempre ou às vezes participam de Festas Juninas. – Caldos com 70,15%, cachorro quente com 66,42% e churrasquinho com 61,94% são os produtos indicados como mais consumidos. – Escola é o local mais frequentado com 69,40% das citações. – O preço do pé de moleque e da canjica foram os que mais subiram em relação a 2023. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente, Renato Mogiz SilvaEconomista – Superintendente GeralFundação IPEAD/UFMG – Fundação Instituto de PesquisasEconômicas, Administrativas e Contábeis de MG(31) […]

Continue lendo...

Alimentação na residência fica mais barata, mas inflação de BH acelera novamente na segunda prévia de junho

A Fundação IPEAD divulga os resultados dos índices de inflação em Belo Horizonte da segunda semana de junho de 2024. Destaques: – O custo de vida em BH, medido pelo IPCA-BH, sobe 0,84% na segunda semana de junho contra 0,47% em maio de 2024. – Inflação sentida pelas famílias de 1 a 5 salários mínimos, captada pelo IPCR, sobe 0,88% em junho contra 0,54% em maio de 2024. – Preços do Seguro voluntário de veículos, Plano de saúde e Condomínio residencial contribuem para alta da inflação. – Queda nos Preços do Vidro, Cerveja em supermercados e mamão ajudaram a segurar a inflação. – Inflação acumulada nos últimos 12 meses pelo IPCA BH está em 6,41% e pelo IPCR está em 5,37%. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente, Renato Mogiz SilvaEconomista […]

Continue lendo...

Repercussão da pesquisa da Inflação de Belo Horizonte – 1º IPC junho de 2024 e variação do preço dos combustíveis de janeiro/2023 a junho/2024

O IPEAD/UFMG por meio do economista Diogo Santos concedeu entrevista a rádio BandNews Minas e repercutiu os resultados da pesquisa da Inflação de Belo Horizonte referente a 1ª quadrissemana de junho de 2024 e também a variação de preços dos combustíveis de janeiro/2023 a junho/2024. Fonte: Rádio BandNews Minas – 1ª edição – Publicado em 13/06/2024 – Reportagem Mariana Reis.

Continue lendo...

Repercussão da pesquisa da Inflação de Belo Horizonte – 1º IPC junho de 2024

O IPEAD/UFMG por meio do economista Diogo Santos concedeu entrevista a Rádio Inconfidência e repercutiu os resultados da pesquisa do IPC referente a 1ª quadrissemana do mês de junho 2024. Confira! Fonte: Rádio Inconfidência – Jornal da Inconfidência AM | FM 2ª edição – Reportagem Desirée Miranda.

Continue lendo...

Inflação de BH acelera na primeira medição de junho

A Fundação IPEAD divulga os resultados dos índices de inflação em Belo Horizonte da primeira semana de junho de 2024. Destaques: – O custo de vida em BH, medido pelo IPCA-BH, sobe 0,77% em junho contra 0,48% em maio de 2024. – Inflação sentida pelas famílias de 1 a 5 salários mínimos, captada pelo IPCR, sobe 0,97% em junho contra 0,30% em maio de 2024. – Preços do Seguro voluntário de veículos, Gasolina comum e Condomínio residencial contribuem para alta da inflação. – Queda nos Preços do Tapete, Vidro e Laranja Pera ajudaram a segurar a inflação. – Inflação acumulada nos últimos 12 meses pelo IPCA BH está em 6,19% e pelo IPCR está em 5,37%. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente,Renato Mogiz SilvaEconomista – Superintendente GeralFundação IPEAD/UFMG – Fundação […]

Continue lendo...