Repercussão da inflação de Belo Horizonte referente ao ano de 2023

O IPEAD/UFMG por meio do economista Diogo Santos concedeu entrevista a rádio Inconfidência e repercutiu os resultados da Inflação de Belo Horizonte referente ao ano de 2023. Fonte: Rádio Inconfidência / Boletim – Reportagem Leandro Siqueira – Publicado em 11/01/2024.

Continue lendo...

Inflação de BH em 2023 cai para famílias mais pobres

IPCR recuou de 6,27% para 5,57% para aquelas que recebem de 1 a 5 salários mínimos; já o IPCA registrou aumento, segundo IPEAD Alimentação mais barata em casa, especialmente pelo gás mais em conta, aliviou o custo de vida das famílias mais pobres em Belo Horizonte em 2023. Já comer fora de casa, energia elétrica e gasolina foram os grandes vilões do orçamento familiar no ano passado. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (9/1) pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead/UFMG).  Segundo o documento, a inflação oficial, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo de BH (IPCA BH), ficou em 6,80% em 2023, um aumento de 0,47 pontos percentuais (p.p) acima do índice […]

Continue lendo...

Repercussão das pesquisas do custo da cesta básica e inflação de Belo Horizonte do mês de dezembro de 2023

O IPEAD/UFMG por meio do economista Diogo Santos concedeu entrevista a Rádio Inconfidência e repercutiu os resultados das pesquisas do custo da cesta básica e inflação de Belo Horizonte do mês de dezembro de 2023. Fonte: Rádio Inconfidência/Jornal Inconfidência – Publicado em 04/01/2024 – Reportagem Desiree Miranda.

Continue lendo...

Calor e chuvas acima da média em MG devem impactar produção de alimentos

Por outro lado, esse cenário pode beneficiar a venda de equipamentos de refrigeração Minas Gerais pode registrar ondas de calor e quantidades de chuvas acima da média histórica durante o primeiro trimestre de 2024. É o que alerta o Sistema de Meteorologia e Recursos Hídricos de Minas Gerais (Simge), do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam). Esse cenário pode influenciar na produção e valor dos alimentos e beneficiar a venda de equipamentos de refrigeração. O economista da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead), Diogo Santos, ressalta que os efeitos das mudanças climáticas na economia ainda é um assunto aberto e discutido por especialistas, em que os analistas estão buscando antecipar esses efeitos. “Muitas […]

Continue lendo...

Inflação dos medicamentos atinge 30% dos brasileiros

O IPEAD/UFMG por meio do gerente de pesquisa Eduardo Antunes concedeu entrevista a Agência Rádioweb e repercutiu o tema Inflação dos Alimentos. Confira a entrevista clicando abaixo. Fonte: Agência Rádioweb – Publicado em 13/12/2023 – edição Economia – Reportagem Alexandre Figueiredo.

Continue lendo...

Repercussão das pesquisas do Custo da Cesta Básica e da Inflação de Belo Horizonte no mês de novembro de 2023

O IPEAD/UFMG, por meio do economista Diogo Santos concedeu entrevista a Rádio Inconfidência e repercutiu os resultados das pesquisas do Custo da Cesta Básica e da Inflação de Belo Horizonte no mês de novembro de 2023. Confira o áudio. Fonte: Rádio Inconfidência / Jornal da Inconfidência 1ª edição am e fm – Reportagem Márcia Bueno – Publicado em 08/12/2023.

Continue lendo...

Inflação das famílias que recebem de 1 a 5 salários mínimos tem maior desaceleração em novembro

A Fundação IPEAD, que este ano comemora 75 anos, divulga os resultados dos índices de inflação em Belo Horizonte de novembro de 2023. Destaques: – O custo de vida em BH, medido pelo IPCA-BH, sobe 0,30% em novembro contra 0,46% em outubro. – Inflação sentida pelas famílias de 1 a 5 salários mínimos, captada pelo IPCR, sobe 0,12% em novembro contra 0,65% em outubro. – Preços da Refeição fora de casa e da Passagem aérea contribuem para alta da inflação. – Queda nos Preços da Gasolina comum ajudou a segurar a inflação. – Inflação acumulada nos últimos 12 meses pelo IPCA BH está em 7,10% e pelo IPCR está em 6,13%. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente, Renato Mogiz SilvaEconomista – Superintendente GeralFundação IPEAD/UFMG – […]

Continue lendo...

Volta de imposto sobre gás e diesel pode aumentar preços em janeiro de 2024

Tributos que estavam zerados devem ser retomados no próximo ano e podem repercutir na inflação Este ano nem terminou, mas o consumidor já pode se preparar para aumento de preços no próximo. A desoneração dos impostos federais sobre o diesel e o gás de cozinha, que vigorava desde 2022 no Brasil, termina oficialmente no dia 31 de dezembro e, com isso, a partir do dia 1º de janeiro de 2024 eles tendem a ficar mais caros. No caso do diesel, isso pode significar uma alta de R$ 0,33 por litro nos postos, caso a cadeia de produção repasse todo o custo ao motorista, segundo cálculos da Federação Nacional das Distribuidoras de Combustíveis, Gás Natural e Biocombustíveis (Brasilcom). Já o gás […]

Continue lendo...

Inflação ao consumidor de Belo Horizonte sobe em novembro, a 0,31%

Índice veio quase estável na terceira quadrissemana do mês em comparação com o registrado na semana anterior, diz Ipead A desaceleração da inflação está perdendo força em Belo Horizonte. O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) da cidade tem apresentado mais uma elevação. Nesta terceira quadrissemana de novembro, o IPCA subiu 0,31%. Isso quer dizer que há uma quase estabilização frente ao monitoramento registrado na semana anterior, em que o apurado foi de uma alta de 0,33%. As informações constam no mais recente levantamento da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead), vinculada à Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Conforme o estudo, a inflação de Belo Horizonte acumula um aumento de 5,99% ao […]

Continue lendo...

Alimentação fora da residência pressiona a inflação em BH na terceira prévia de novembro

A Fundação IPEAD, que este ano comemora 75 anos, divulga os resultados dos índices de inflação em Belo Horizonte da 3ª semana de novembro de 2023. Destaques: – Desaceleração da inflação perde força. – IPCA-BH sobe 0,31%, quase estável em relação à semana anterior. – Custo da Alimentação fora da residência acelera crescimento (2,89%). – Alimentos industrializados estão ficando mais baratos e Alimentos in natura, mais caros. – Queda em Excursões, Leite e Gasolina Comum ajudaram a segurar a inflação. – Inflação acumulada nos últimos 12 meses pelo IPCA BH está em 6,84% e pelo IPCR está em 6,09%. Salientamos que os responsáveis pelas pesquisas estão à disposição para esclarecer dúvidas, gravar matéria específica para seu veículo de comunicação e agendar inserções em programas ao vivo, caso haja interesse. Atenciosamente, Renato Mogiz SilvaEconomista – Superintendente GeralFundação IPEAD/UFMG – Fundação Instituto de PesquisasEconômicas, Administrativas e Contábeis de […]

Continue lendo...